Banner image

Software de monitoramento de rede: saiba o que é e como funciona

27 de setembro de 2019
Por Luis Garcia

Não é possível pensar em organizações que sejam desconectadas da internet. Sendo assim, redes de computadores são essenciais para a dinâmica dos negócios, mas elas necessitam de uma gestão e um controle específicos. E é aí que entram os softwares de monitoramento de rede.

Atualmente, boa parte das empresas são muito dependentes da tecnologia, sempre vão precisar de uma equipe de TI ou de uma empresa terceirizada e que cuide dessa área. Também é comum que precisem de uma grande rede de computadores que mantenha as suas operações em funcionamento. Desse modo, a tecnologia suporta a atual operação e também alavanca os negócios.

A partir disso, você vai descobrir, a seguir, o que é um monitoramento de rede, qual a importância de ter um software específico para essa finalidade e como é feita a implementação. Acompanhe e confira!

O monitoramento de rede

Investimentos em infraestrutura de TI, aplicações e processos que definem fluxos de negócios vão crescendo ano a ano, fazendo com que as áreas se tornem cada vez mais protagonistas na evolução da empresa.

Manter todo o mecanismo complexo é um grande desafio, pois ele é repleto de riscos que assolam todas as empresas o tempo todo. Para a redução desses riscos, é essencial que seja feito um monitoramento de forma que seja possível saber como está o andamento e prever possíveis incidentes.

Isso é o monitoramento de rede, responsável por medir, em tempo real, os recursos das redes de computadores, assim, é o processo pela detecção de anomalias na performance e na disponibilidade.

A importância do software de monitoramento de rede

Como você já viu, um software de monitoramento de rede nada mais é do que um apoio para a empresa, não necessariamente parte do core business dela. Essa ferramenta tem um papel muito importante para a sustentação dos negócios, porém, nem sempre funciona como deveria, visto que em diversos casos, é tratada com descaso.

Por outro lado, os negócios que utilizam o software de monitoramento de rede da forma correta, alcançam resultados incríveis que otimizam drasticamente o ambiente da empresa, sem sofrer com graves incidentes. Esse processo aumenta, assim, a sua performance, a disponibilidade e a economia de recursos.

A implementação do programa

O funcionamento e a introdução dessa ferramenta variam de negócio para negócio, podendo se tornar um grande desafio em alguns casos. Sendo assim, normalmente a implementação costuma ser dividida em algumas camadas, sobre as quais abordaremos a seguir. Veja.

Infraestrutura de TI

Quando se trata do monitoramento da infraestrutura de TI, estamos falando sobre a base que dá suporte para todo a organização, portanto, deve se dar a devida atenção a essa camada. Em casos em que a TI se encontra indisponível ou, então, com uma performance baixa, os negócios serão impossibilitados de serem feitos ou darão um grande impacto negativo na experiência dos clientes com a empresa. 

Sendo assim, a performance, junto à disponibilidade da infraestrutura de TI, são extremamente fundamentais para o bom funcionamento dos negócios e na garantia de resultados positivos nas relações com os clientes, acionistas e outros envolvidos.

Cada vez mais os gestores de TI estão se envolvendo diretamente na estratégia das empresas e são fundamentais para o sucesso delas. A monitoração da infraestrutura de TI proporciona uma visualização muito mais clara e detalhada de todo o ambiente para o gestor, otimizando ainda mais o trabalho a serviço da estratégia do negócio.

Essa visão geralmente é consolidada no formato de dashboard, que disponibiliza informações em tempo real ao gestor.

Terminando a camada da infraestrutura, seguimos agora para o monitoramento das aplicações.

Aplicações

Como já vimos, a infraestrutura serve para a sustentação das aplicações e dos sistemas. Esses, por sua vez, são pontos importantes para a execução das rotinas e dos processos do negócio, sendo as fontes de receita da empresa.

A monitoração das aplicações garante uma visão atenciosa à situação atual delas, coletando dados importantíssimos para formar alguns indicadores, experiência real de uso e acesso dos usuários em relação à performance e à disponibilidade.

Uma coisa boa a se fazer também é a elaboração dos elementos de TI para tomar ciência do que impacta onde. Podemos citar, como exemplo, a vinculação de uma determinada aplicação às suas dependências de infraestrutura e serviços, incluindo, também, vínculos de fora da estrutura do negócio.

A infraestrutura e as aplicações são como duas peças que são utilizadas para montar uma entregar maior, dar um suporte sólido ao que realmente é produzido pela empresa e faz parte do core business dela.

Tendo feito um bom monitoramento das camadas de infraestrutura e de aplicações, seguimos para o topo do monitoramento, para a de serviços do negócio.

Serviços do negócio

Uma das etapas em que normalmente se encontra uma maior dificuldade é a de traduzir os esforços de planejamento e estratégias em operação. O que chamamos de “operação do dia a dia” é, basicamente, a execução de todas as definições que foram trazidas em ações operacionais. Sendo assim, é importante que você tenha alguns indicadores que meçam os resultados das estratégias.

O monitoramento do negócio, também chamado de monitoramento de serviços, usa ferramentas específicas justamente para coletar algumas informações que serão utilizadas para alimentar o que chamamos de Key Performance Indicators (KPIs).

Os KPIs são indicadores chave para o negócio, eles variam de acordo com a área e com o nível em que estão na hierarquia. Também é possível fazer o estabelecimento de coletas que tragam alguns dados para alimentar os indicadores de performance e disponibilidade do negócio em tempo real.

Esteja sempre atento aos processos, à satisfação dos clientes, aos fluxos de caixa, faturamento da empresa e vários outros pontos que servem para medir o desempenho do negócio.

O software de monitoramento de rede é realmente uma ferramenta incrível e saber dominá-la pode trazer benefícios indispensáveis para o bom funcionamento do seu negócio. 

Gostou deste post e quer receber mais conteúdos como este sempre que postarmos? Assine a nossa newsletter e seja sempre o primeiro a ficar sabendo das nossas novidades. Não fique de fora!