Custo de aquisição de clientes: o que é e como ele impacta os resultados?

Você já ouviu falar em CAC? Esta é a sigla para custo de aquisição de clientes, uma métrica essencial para mensurar os recursos gastos pela empresa para atrair novos consumidores, o que muitas vezes pode não surtir o efeito esperado.

Em tempos onde ouvimos constantemente a palavra crise, reduzir custos e melhorar a eficiência de processos é crucial para uma empresa manter suas operações e se destacar entre os concorrentes no mercado.

Nas próximas linhas você vai ler sobre o custo de aquisição de clientes e conhecer a sua importância, além de obter algumas dicas de como melhorar esse indicador para buscar melhores resultados. Tome nota e boa leitura!

O custo de aquisição de clientes

Hoje, qualquer empresa que se mantêm atualizada com as melhores práticas de gestão do mercado é munida de uma série de métricas. Também chamadas de KPIs, ou indicadores-chave de desempenho, esses números são capazes de revelar ao gestor a eficiência, ou a falta dela, de um processo.

O custo de aquisição de clientes é a métrica mais importante para o marketing da empresa, pois mostra quantos recursos são investidos para a conquista de um cliente. O CAC exibe todo o trabalho, tempo e valores que são gastos desde a atração do cliente até o derradeiro fechamento do negócio.

Para obter informações suficientes para realizar um cálculo confiável é necessário, primeiro, ter controle sobre todas as etapas da venda. Dessa forma, pode-se reunir informações sobre cada uma delas.

Como calcular o CAC

O cálculo do custo de aquisição de clientes é muito simples. Basta que você some todos os investimentos de um determinado período e divida pelo número total de clientes adquiridos nesse mesmo período.

Vamos supor que, em um mês, sua empresa investiu R$1.000,00 e fechou cerca de 2 novos clientes. Dividindo os investimentos pelos clientes adquiridos temos um CAC de R$500,00. É um grande gasto com um pequeno retorno! Mas não se preocupe. Vamos falar como diminuir esse valor mais adiante.

Sendo assim, a fórmula fica desta maneira:

CAC = soma dos recursos investidos / novos clientes conquistados

É claro que, por mais simples que o cálculo possa parecer, é preciso estar atento a uma série de outros fatores que compõem os gastos em marketing e vendas para que o CAC seja confiável.

Custos considerados no CAC

Para chegar ao custo de aquisição de clientes da melhor forma possível, devem ser considerados apenas os valores envolvidos diretamente com o setor de marketing e vendas. Para exemplificar, podemos citar os seguintes investimentos:

  • salários e comissões da equipe;
  • mensalidades de softwares de gestão, ERP e CRM;
  • contratação com freelancers;
  • realização de campanhas promocionais e eventos;
  • compra ou aluguel de meios de comunicação;
  • reembolso de viagens e deslocamentos;

Esses são alguns dos investimentos diretos realizados por uma empresa que devem entrar no cálculo de custo de aquisição de clientes, para que o valor encontrado seja o mais próximo da realidade.

A importância do CAC

Você pode estar se perguntando: qual a real importância do custo de aquisição de clientes para a minha empresa hoje? Bom, ao verificar o CAC você poderá ter uma visão de que seus processos não estão funcionando como deveriam e seu lucro está sendo reduzido.

Quando você investe um valor muito alto para adquirir novos clientes, pode ser que não haja um retorno que venha a cobrir esse investimento, causando prejuízo. Otimizar seus processos visando melhorá-los é o que sua empresa necessita para reduzir seu CAC.

Como reduzir o CAC

Reunimos aqui algumas dicas valiosas para lhe ajudar a reduzir seu custo de aquisição de clientes e melhorar suas rotinas de venda e marketing. Confira:

Segmente seu público

Falar diretamente com o seu público-alvo reduz seus investimentos diretos em propaganda. De nada adianta gastar rios de dinheiro com mega campanhas que atingirão um público gigantesco, quando grande parte dessas pessoas não estão interessadas no seu produto naquele momento.

Segmentar a sua comunicação para que suas peças publicitárias falem exatamente com quem têm de falar é uma maneira simples de reduzir investimentos na área de marketing. Busque conhecer seu público-alvo e crie personas para auxiliar na criação de melhores campanhas.

Analise resultados

Para saber se uma estratégia está funcionando como deveria é preciso estar atento aos números que ela vem gerando. Analisar os resultados é uma forma de avaliação, para verificar o que não está como deveria e buscar realizar correções.

Mesmo as melhores estratégias, que foram muito bem planejadas, podem precisar de ajustes, por isso a importância de analisar resultados constantemente para verificar se você está no caminho certo.

Alimente leads

Os leads, potenciais compradores do seu produto ou serviço, são aqueles visitantes que demonstram interesse em consumir, mas por algum motivo ainda não o fizeram.

É importante trabalhar em cima desses possíveis compradores, alimentando-os com o valor de seus produtos, aumentando a confiança e criando um relacionamento com sua empresa. São ótimas oportunidades para o time de vendas para realizar uma conversão e possível fidelização de cliente.

Crie marketing de conteúdo

A criação de um blog com informações acerca de seu nicho de mercado e que se mostre relevantes para o seu público-alvo é uma ótima forma de geração de leads e conversão de clientes.

Essa estratégia tem um custo relativamente baixo e pelo seu potencial de atração de novos consumidores pela distribuição de conteúdo interessante e relevante para a persona, permite uma diminuição significativa em seu CAC.

Invista em automação

Softwares de automação de tarefas de marketing são ótimas aquisições e podem auxiliar e muito a equipe de vendas na criação e manutenção de campanhas otimizadas.

Existem ferramentas para gerir relacionamento com o cliente, como os CRMs, e também para criar e distribuir e-mails marketing de maneira muito simples e rápida.

A automação diminui a interação humana e, por consequência, uma série de erros, além de ofertar informação atualizada via relatórios. As equipes se tornam mais eficientes, entregando resultados em menos tempo e com menos esforços.

A partir das informações que entregamos a você, esperamos que possa ter entendido a importância do custo de aquisição de clientes e algumas formas de como reduzir o CAC em sua empresa.

Gostou do conteúdo e quer ficar por dentro de mais? Siga-nos no Facebook, LinkedIn, Instagram, Twitter e Youtube! Temos muito mais conteúdos interessantes para você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *