BI e AI: como fazer a união perfeita entre eles?

A transformação digital já é uma realidade nas empresas que querem extrair o máximo que a tecnologia da informação pode oferecer para o sucesso dos negócios. Nesse cenário, duas siglas se destacam: BI (Business Intelligence) e IA (Inteligência Artificial), que juntos podem mudar os rumos estratégicos de uma empresa.

Assim, com a explosão de dados do Big Data, as empresas que souberem extrair valor dessas informações, darão um passo enorme rumo à liderança de mercado. Neste post, você conhecerá mais a fundo sobre BI e AI e as suas principais tendências para o planejamento estratégico das empresas. Confira!

O que é Business Intelligence?

Business Intelligence é um termo que designa as plataformas, softwares e práticas utilizadas para dar suporte às decisões estratégicas baseadas em dados. Por meio das plataformas de BI é possível ter o panorama histórico e fazer previsões de mercado, utilizando dados reunidos em sistemas internos, ou fazendo análises externas.

As empresas que têm um bom planejamento estratégico de Business Intelligence, obtêm vantagens competitivas importantes, pois tem suas operações baseadas em mineração de dados e análises de tabelas dinâmicas.

Com esse plano estratégico, permitido pelo BI, a empresa pode fazer uma gestão menos intuitiva, passando a ter uma visão mais estratégica, com planejamentos orientados por dados, que são coletados, processados e analisados para gerar insights importantes para o negócio. Desse modo, é possível ter um conhecimento mais aprofundado sobre os anseios dos clientes e também monitorar a concorrência.

Além disso, o BI também é essencial para a identificação de ameaças, antecipação de medidas de segurança e, principalmente, oportunidades de negócios.

O que é Inteligência Artificial?

O conceito de inteligência artificial é mais amplo, abrangendo várias áreas, não somente o setor corporativo. Podemos resumir o IA como a capacidade das máquinas em executar funções que simulem capacidades ou decisões humanas.

Isso pode ser obtido por meio da programação, com um humano criando um algoritmo dotado de IA, ou pelo aprendizado de máquina, em que o próprio sistema se desenvolve com o cruzamento de dados, imputados ou de forma autônoma.

A inteligência artificial pode ser aplicada para desempenhar tarefas burocráticas e repetitivas que tomam tempo produtivo. Um bom exemplo são os chats inteligentes, que ajudam na diminuição das filas nos sistemas de atendimento ao cliente, e que consegue entregar respostas coerentes para questões corriqueiras.

Nas indústrias, os robôs dotados de inteligência artificial passaram a desempenhar funções de maior risco, reduzindo a possibilidade de acidentes de trabalho, e representando um aumento na capacidade produtiva.

Quando aliada aos negócios, a inteligência artificial permite a automatização de tarefas burocráticas e repetitivas e a análise de dados de forma autônoma, com as redes neurais, propiciando a mineração de dados, aumentando a produtividade, melhorando a tomada de decisões e reduzindo a margem de erros.

Qual é a relação entre BI e AI?

Para exemplificar a relação entre BI e AI, vamos falar de Rogério, gestor de um e-commerce que vende produtos para o público nerd.

Rogério está começando agora em um mercado extremamente concorrido. Para alavancar as vendas e tornar a sua marca conhecida, ele decidiu investir em um sistema dotado de aprendizado de máquina, que é capaz de fazer uma varredura nas redes sociais e identificar o que o público-alvo está buscando em sua área de atuação.

Dessa forma, ele conseguirá automatizar as suas redes sociais para oferecer recomendações de produtos que atendam diretamente os anseios daquele grupo de pessoas, aumentando as chances de conversão.

A empresa de Rogério conta com uma equipe de marketing que criou todo um planejamento para que essas informações possam atingir os objetivos da empresa. Com o auxílio desses sistemas inteligentes, eles poderão pegar essa gama de dados e obter insights preciosos, que ajudarão a turbinar a estratégia de divulgação, já que a inteligência artificial fará todo o refinamento dos resultados.

Assim, o empreendedor aproveitará a automação da prospecção de dados e de gestão das mídias sociais, aliado ao poder de criação da equipe de marketing, e terá cada vez mais a possibilidade de atingir o seu público ideal. A partir daí, poderá competir de igual para igual com os concorrentes que já estão a mais tempo no ramo.

Em resumo, a parceria do BI e AI no e-commerce de Rogério permitirá a geração de insights, possibilidade de analisar os históricos dos clientes para recomendar produtos, e também a capacidade preditiva para prever as movimentações de mercado. Tudo isso de forma automatizada!

Quais são as principais tendências de AI e BI?

Análises preditivas e prescritivas

Talvez esse seja o grande ponto de interseção entre BI e AI. Com eles atuando em conjunto, os gestores podem ter uma visão do que está por vir em seu mercado, e gerar insights estratégicos para atender tal demanda.

Para que isso seja possível o setor estratégico deve ter em mãos as análises preditivas e prescritivas.

  • Análise preditiva — análise de dados históricos para extrair informações determinantes e prever movimentações futuras. Assim, é possível que a empresa faça análises de riscos e crie prognósticos para alternativas, caso as coisas mudem de rumo;
  • Análise Prescritiva — tem como objetivo a identificação dos impactos das futuras decisões, e insights para que a empresa faça os ajustes necessários para atingir os objetivos de acordo com as projeções.

O objetivo aqui é refinar cada vez mais a tomada de decisão, para que os resultados possam se alinhar à previsão. Com esse alinhamento, a empresa poderá aumentar consideravelmente as chances de atender as expectativas dos clientes.

Mais eficiência na segurança das informações

Tão importante quanto a prospecção e análises dos dados, é a segurança da informação, que garante que todos os resultados encontrados e as estratégias preditivas não caiam em mãos erradas.

Assim, a segurança dos dados entra como uma das prioridades nos debates dos gestores para garantir o sucesso das ações futuras. Tudo isso é potencializado com a atuação da inteligência artificial, na detecção automática de desvios — que é uma das técnicas de mineração de dados.

Toda movimentação que fuja do normal, é identificada de forma automática, com sistemas robustos e inteligentes de controle de acesso e criptografia.

Novas oportunidades de negócios

Outro grande objetivo, que é potencializado com a combinação da Business Inteligence e da Inteligência Artificial, é a identificação das novas oportunidades de negócios. Com a estruturação dos dados e tomadas de decisões mais embasadas e ágeis, as empresas têm mais ferramentas para identificar as oportunidades de negócios.

Com a técnica de segmentação ou clustering, por exemplo, é possível separar dados com características semelhantes a fim de identificar movimentações de um determinado grupo de potenciais consumidores. Desse modo, produtos/serviços que atendam a demanda desse publico podem ser desenvolvidos com base no comportamento de clientes com o mesmo perfil.

Monitoramento da concorrência

Estar por dentro dos movimentos da concorrência faz parte do planejamento estratégico de uma empresa. Com o BI aliado ao IA, é possível analisar a movimentação da concorrência no mercado, monitorando suas campanhas e o engajamento e, assim, atendendo aos anseios do público-alvo.

Outro fator importante do monitoramento é aprender com os erros dos concorrentes, identificando práticas em seu negócio que podem levar ao mesmo problema, criando planos de ação para preveni-los.

Ter uma gestão baseada em dados não é mais um diferencial, mas sim uma obrigação. Com a produção massiva de dados que temos hoje, quem tiver as melhores práticas de BI e AI, certamente identificará as melhores oportunidades para se destacar em seu mercado. 

Gostou do post? Então compartilhe já em suas redes sociais e nos ajude a divulgar este material.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *